Scielo RSS <![CDATA[Revista Internacional em Língua Portuguesa]]> http://scielo.pt/rss.php?pid=2182-445220210002&lang=es vol. 40 num. lang. es <![CDATA[SciELO Logo]]> http://scielo.pt/img/en/fbpelogp.gif http://scielo.pt <![CDATA[Apresentação - Manuel Célio Conceição - Alexandre Mavungo Chicuna]]> http://scielo.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2182-44522021000200011&lng=es&nrm=iso&tlng=es <![CDATA[Poscolonialidade e lugares linguísticos (des)conexos no ensino em contexto rural angolano: (in)visibilidades em Tela]]> http://scielo.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2182-44522021000200017&lng=es&nrm=iso&tlng=es Resumo A colonização em Angola serviu, entre outras finalidades, para a “cafricação” das línguas nacionais e hegemonização da língua portuguesa. Nesse prisma, a poscolonialidade devia promover um ambiente escolar democrático, sendo esta a via para o alcance da equidade num país de diversidade linguística e cultural que tinha sido forçado a adoptar paradigmas homogéneos, desconexos e de invisibilidades. O artigo procura reflectir sobre os lugares linguísticos e cultural no ensino em áreas designadas rurais, de modos a perceber as questões de invisibilidades dos alunos num contexto pós-colonial através da revisão bibliográfica associada à entrevista de dois professores de formas a compreender como se dá o ensino naquelas localidades. Pauta-se por “desocidentalização” através do estatuto das línguas nacionais, redefinição das políticas linguístico-educativas, uma vez que a língua e a cultura constituem elementos indissociáveis que espelham a cosmovisão de suas sociedades.<hr/>Abstract Colonization in Angola served, among other purposes, for the “cafrication” of national languages and hegemonization of the Portuguese language. In that light, postcoloniality should promote a democratic school environment, this being the way to achieve equity in a country of linguistic and cultural diversity that had been forced to adopt homogeneous, disconnected and invisible paradigms. The article seeks to reflect on the linguistic and cultural places in teaching in designated rural areas, in order to understand the issues of students' invisibilities in a post-colonial context through the bibliographic review associated with the interview of two teachers in order to understand how the teaching in those locations. It is guided by “de-Westernization” through the statute of national languages, redefinition of linguistic-educational policies, since language and culture are inseparable elements that mirror the worldview of their societies. <![CDATA[Role-play como estratégia de ensino de língua: a perspetiva de estudantes de português na China]]> http://scielo.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2182-44522021000200035&lng=es&nrm=iso&tlng=es Resumo Os métodos de role-play (dramatizações ou representações na sala de aula) são parte de um ensino que prepara os alunos para a cidadania intercultural e para os desafios da sociedade atual, apresentando-se como uma opção flexível que potencia a iniciativa e a interação e que possibilita desempenhar diferentes papéis sociais e recriar diversas situações na sala de aula. A literatura revela que o uso de atividades de role-play na aprendizagem de línguas permite aos alunos desenvolver diversas competências. O presente estudo tem como objetivo analisar a implementação de role-play como estratégia de ensino nas turmas de alunos finalistas da licenciatura de Português em Macau (China). Em termos metodológicos, foram aplicados questionários a estudantes finalistas da licenciatura de Português em Macau, de modo a promover uma análise quantitativo-qualitativa sobre esta temática. Os resultados demonstram que as atividades de role-play são um fator de motivação para a aprendizagem da língua e que potenciam a sala de aula como meio para um ensino prático e contextualizado, favorecendo o desenvolvimento de competências linguísticas, interpessoais e socioculturais.<hr/>Abstract Role-play methods are part of a student-centered approach and a flexible option that enhances initiative and interaction and represents an opportunity for students to play different roles and replicate real life situations in the classroom. In this way role-play can be used to foster interactive teaching and prepare students for intercultural citizenship. The literature reveals that role-playing methods used in language learning enable the development of various types of skills enabling students to take on a roactive role in the language teaching process. This research aims to study the implementation of role-plays as a teaching strategy in classes of sênior college students of Portuguese graduation in Macau (China). Methodologically, questionnaires were applied to finalist students of the Portuguese degree in Macau, to promote a quantitative-qualitative analysis on this theme. The results of this research reveal that role-playing activities are a motivating factor for language learning and enhance the classroom as conducive to the development, in a contextualized and interactive way, of interpersonal, language and cultural skills. <![CDATA[Estratégia de motivação para a aprendizagem da língua portuguesa no ensino superior: diagnosticar e sensibilizar]]> http://scielo.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2182-44522021000200053&lng=es&nrm=iso&tlng=es Resumo O papel do professor de Português assume cada vez mais um duplo desafio: motivar os estudantes para a aprendizagem de uma disciplina pouco “amada” e sensibilizar para a importância das competências comunicativas em qualquer contexto. O estudo apresenta a estratégia pedagógica implementada em seis unidades curriculares na área da língua portuguesa, lecionadas em Licenciaturas e Cursos Técnicos Superiores Profissionais, na Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Águeda, da Universidade de Aveiro. Foi aplicado um inquérito por questionário a 119 estudantes que permitiu diagnosticar as suas dificuldades linguísticas, avaliar a sua re- lação com a aprendizagem da língua portuguesa e suscitar a reflexão sobre os fatores que podem condicionar a aprendizagem. Face aos resultados obtidos, apresenta-se uma proposta didática, assente na adaptação dos pilares da retórica aristotélica Ethos, Pathos e Logos, pela familiaridade da estrutura argumentativa estudada no secundário e pela capacidade de sensibilizar e de motivar para a aprendizagem.<hr/>Abstract The role of a Portuguese teacher is becoming more and more a double challenge: to motivate students to learn an unloved subject and to raise awareness of the importance of communication skills in any context. The study presents the pedagogical strategy implemented in six courses in the area of Portuguese language, taught in the first cycle of Higher Education (Degree) and Higher education training courses (TESP) at the Águeda School of Technology and Management (ESTGA), University of Aveiro. A questionnaire survey was applied to 119 students to diagnose their language difficulties, assess their relationship in learning Portuguese and encou- rage reflection on the factors that may condition their learning. In view of the results obtained, a pedagogical proposal is presented, based on the adaptation of the Aristotelian rhetorical pillars Ethos, Pathos and Logos, due to the familiarity of the argumentative structure studied in high school and the ability to sensitise and motivate for learning. <![CDATA[A preparação didáctico-metodológica dos professores primários para o ensino do Português em Moçambique: estudo de caso no IFP de Nampula, 2017]]> http://scielo.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2182-44522021000200079&lng=es&nrm=iso&tlng=es Resumo O Português é língua oficial de Moçambique desde 1975, contudo, nem todos os moçambicanos têm a mesma relação com língua portuguesa. Segundo dados do Censo de 2017, apenas 47.4% da população fala Português e mais da metade da população moçambicana não fala esta língua. Para cerca de 12 milhões de moçambicanos, residentes na zona rural, o Português poderia ser considerado como língua estrangeira (LE). Mas, devido à conjuntura histórico-social que determina o português como língua oficial, o estatuto de LE, para este grupo de cidadãos, não é aplicável, valendo apenas o de língua segunda (LS). Segundo afirma Vigner (2001), do ponto de vista de ensino/aprendizagem, a LS é uma prática instável e delicada pois ela situa-se na mediana entre Língua Materna (LM) e LE. Dependendo da actividade, as práticas de ensino de LS podem ser emprestadas à LM ou à LE. Este estudo tem por objectivo analisar o processo de formação de professores primários em matérias de ensino do Português. Especificamente, pretende verificar o nível de preparação para fazer face à diversidade dos contextos (de alunos e dos estatutos que o português tem nas suas biografias linguísticas). Em termos metodológicos, o estudo é qualitativo e descritivo. Os dados são resultantes da análise do programa de formação e de questionários aos formadores de metodologia de Língua Portuguesa e aos formandos do Instituto de Formação de Professores de Nampula. As conclusões deste estudo apontam que os módulos focalizam mais aspectos políticos em prejuízo de aspectos didácticos e que os formadores e, consequentemente, os formandos fixam-se muito nas propostas dos módulos, apesar de estes servirem como simples documentos orientadores.<hr/>Abstract Portuguese has been an official language of Mozambique since 1975. However, not all Mozambicans have the same relationship with Portuguese. According to data from the 2017 Census, only 47.4% of the population speaks Portuguese and more than half of the Mozambican population does not speak this language. For about 12 million Mozambicans, mostly living in the rural area, Portuguese could be considered as a foreign language (FL). However, due to the historical-social situation that determines Portuguese as official language, the status of FL for this group of citizens is not applicable, and only the second language status (SL) is applicable. Ac- cording to Vigner (2001), from the didactics point of view, SL is an unstable and delicate practice because it is located in the median between Mother tongue (MT) and FL, depending on the activity, SL teaching practices man be loaned from MT or LE. This study aims to analyze the process of training primary teachers in Portu- guese teaching. Specifically, it intends to verify the level of preparation to face the diversity of contexts (of students and the status that Portuguese has in their linguistic biographies). In methodological terms, the study is qualitative and descriptive. The data are the result of the analysis of the training program and questionnaires to portuguese language methodology trainers and students of the Instituto de Formação de Professores de Nampula. The conclusions of this study indicate that the modules focus more on political aspects to the detri- ment of didactic aspects; it indicates also that trainers and, consequently, trainees are very fixaised on what is proposed in the modules, while they should be seen as simple guiding documents. <![CDATA[O lugar das normas gramaticais e das práticas de análise gramatical no ensino básico e na formação dos professores de língua portuguesa no Brasil1]]> http://scielo.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2182-44522021000200093&lng=es&nrm=iso&tlng=es Resumo O trabalho tem por objetivo discorrer sobre o ensino de duas frentes dos estudos gramaticais, nomeadamente a frente das normas gramaticais e a da análise linguística/gramatical, contemplando o contexto brasileiro tanto da educação básica quanto da formação de professores de língua portuguesa. Valemo-nos, para isso, de uma discussão sobre programas de ensino dessas duas frentes na educação básica, tomando, como ponto de partida, as orientações oficiais dos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) e da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), complementadas com a consulta a um livro de português recomendado pelo Programa Nacional do Livro Didático. Para a reflexão sobre o ensino dessas duas frentes no ensino superior, valemo-nos de uma consulta feita a projetos pedagógicos e/ou grade curricular de cursos de Licenciatura em Letras (português), oferecidos em universidades brasileiras. Ao final, argumentamos favoravelmente a um ensino de ambas as frentes tanto no ensino básico quanto na formação de professores de língua portuguesa.<hr/>The main goal of this paper is to discuss the teaching of two fronts of grammatical studies, namely that of “grammar standards” and that of linguistic/grammatical analysis. It takes into account the Brazilian context by considering language teaching both in basic education and in the training of Portuguese language teachers. We discuss some teaching programs where these two fronts appear in basic education by taking as a starting point the official guidelines of the National Curricular Parameters and the Common Core Curriculum. The analysis of those guidelines will be complemented by some reflections on a textbook recommended by the National Textbook Program. In order to discuss the teaching of those two fronts in higher education, some pedagogical projects of undergraduate courses in Modern Languages (Portuguese), offered by Brazilian universities, are consulted. We argue in favor of the teaching of these two fronts in both basic education and in programs of Modern Languages (Portuguese) teacher’s training. <![CDATA[Ensino e aprendizagem do português (L2/LE) por alunos surdos em Moçambique]]> http://scielo.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2182-44522021000200119&lng=es&nrm=iso&tlng=es Resumo Sobre educação inclusiva de surdos em Moçambique, impõe-se debater o ensino da língua portuguesa, cuja abordagem bilingue preconiza o ensino/aprendizagem da língua de sinais (LS) como primeira língua (L1) e do português (LP) como segunda língua (L2). Este recorte dum estudo doutoral visa realçar a importância da exposição precoce das crianças surdas a uma LS, neste caso, Língua de Sinais de Moçambique (LSM), e evidenciar a necessidade do ensino da LP ser adequado, respeitando a metodologia e didática da L2 para alunos surdos. Segundo uma abordagem qualitativa, aplicámos o método de observação/registo de aulas e entrevistas semiestruturadas a alunos surdos em turmas regulares. Os resultados indicam: a) a falta de exposição atempada dos surdos à LSM, impede a aquisição de uma língua estruturada e condiciona negativamente a aprendizagem da L2; b) o professor de LP, além de competências linguísticas nas duas línguas (LP e LSM), deve possuir competências extra linguísticas, para exercer o seu papel didático-pedagógico numa perspectiva educativa bilingue para alunos surdos.<hr/>Abstract On inclusive education for the deaf in Mozambique, it is necessary to debate the teaching of the Portuguese language, whose bilingual approach advocates the teaching / learning of sign language (LS) as a first language (L1) and Portuguese (LP) as a second language (L2). This excerpt from a doctoral study aims to highlight the importance of early exposure of deaf children to an LS, in this case, Sign Language of Mozambique (LSM), and to highlight the need for the teaching of LP to be adequate, respecting the methodology and didactics of L2 for deaf students. According to a qualitative approach, we applied the method of observation / registration of classes and semi-structured interviews to deaf students in regular classes. The results indicate: a) the lack of timely exposure of the deaf to LSM, prevents the acquisition of a structured language and negatively conditions the learning of L2; b) the LP teacher, in addition to language skills in both languages (LP and LSM), must have extra linguistic skills, to exercise his didactic-pedagogical role in a bilingual educational perspective for deaf students. <![CDATA[O ensino-aprendizagem de português língua estrangeira - um estudo focado nas perspetivas de aprendentes chineses]]> http://scielo.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2182-44522021000200141&lng=es&nrm=iso&tlng=es Resumo Refletir sobre metodologias e práticas pedagógicas tradicionais ou as que estão em voga é fundamental para conhecer e adequar o ensino às especificidades do aprendente de uma língua estrangeira - enquadrar e melhor entender as suas preferências, postura e atitudes na sala de aula. Em contextos educativos interculturais, só uma visão esclarecida do docente sobre os seus aprendentes permitirá adotar estratégias e propor atividades adequadas ao sucesso da aprendizagem e evitar potenciais conflitos de perspetivas no espaço aula. Os estudantes chineses são tradicionalmente passivos, moldados por práticas de ensino predominantemente expositivas, centradas no ensinante e assentes no método da gramática-tradução. Os resultados deste trabalho, baseado num questionário focado nas perspetivas dos informantes sobre o ensino e a aprendizagem, sugerem que os aprendentes chineses de português língua estrangeira, embora indelevelmente arreigados à sua matriz cultural identitária, revelam recetividade e capacidade de adaptação a outros paradigmas de ensino.<hr/>Abstract To reflect on traditional teaching methodologies and pedagogical practices (or on those that are in vogue) is essential to know and adapt teaching to the specificities of a foreign language learner - to frame and better understand on their preferences, posture and attitudes in the classroom. In intercultural educational contexts, only an enlightened view of the teacher about his students will allow him/her to adopt strategies and propose activities suitable to the learning success and avoid potential conflicts of perspectives in the classroom. Chinese students are traditionally passive, shaped by predominantly expository teaching practices centered on the tea- cher and founded on the grammar-translation method. The results of this work, based on a survey focused on the informants' perspectives on teaching and learning, suggest that Chinese foreign language learners, although in- delibly attached to their cultural identity matrix, reveal receptivity and adaptability to other teaching paradigms.