SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 número1O Papel dos Produtos Finais de Glicosilação Avançada na Nefropatia Diabética índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Arquivos de Medicina

versão On-line ISSN 2183-2447

Resumo

LOURENCO, Cátia et al. Hepatite C e Gravidez: Uma Revisão da Literatura. Arq Med [online]. 2011, vol.25, n.1, pp.38-45. ISSN 2183-2447.

A hepatite C crónica é uma importante causa de morbi-mortalidade em todo o mundo. A transmissão perinatal do vírus da hepatite C (VHC) é o principal mecanismo de infecção na criança. A gravidez não afecta a evolução natural da infecção por VHC. A hepatite C crónica activa está associada a um aumento da incidência de desfechos obstétricos adversos; já relativamente aos doentes com hepatite C crónica inactiva, a associação com desfechos obstétricos adversos não está tão bem definida. O diagnóstico da transmissão vertical é feito através da detecção no sangue da criança de RNA do VHC em 2 determinações, com intervalo de 2-3 meses e depois desta ter pelo menos 3 meses de vida, e/ou pela detecção de anticorpos anti-VHC na criança depois dos 18 meses de vida. A transmissão vertical do VHC é de 1-3% nas grávidas com RNA vírico indetectável e de 4-6% naquelas com RNA vírico detectável. A co-infecção com VIH aumenta o risco de transmissão vertical do VHC, mas a HAART (“highly active anti-retroviral therapy”) diminui o risco significativamente. O uso de eléctrodos para monitorização fetal interna também aumenta o risco de transmissão vertical. Os dados não são consensuais relativamente à duração da ruptura de membranas no risco de transmissão vertical. O parto por cesariana e a amamentação (se houver integridade dos mamilos) não alteram o risco de transmissão vertical. Apesar de um melhor conhecimento dos factores de risco envolvidos na transmissão vertical do VHC, até à data não há intervenção eficaz na redução desse risco.

Palavras-chave : hepatite C; gravidez; transmissão vertical.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons